SIPCAM   SIPCAM
  HOME   |   QUEM SOMOS   |   PRODUTOS   |   CULTURAS   |   INFORMAÇÃO   |   NOTÍCIAS   |   LINKS
 
Bem-vindo à Sipcam Portugal  
SIPCAM Pesquisa de Produtos SIPCAM
SIPCAM Fungicidas - MALVIN 80 WG
Imprimir Imprimir
< voltar SIPCAM

AV n.º0497
Formulação: grânulos dispersíveis em água com 80% (p/p) de captana.
Modo de acção: fungicida de superfície com acção preventiva.

CONDIÇÕES DE APLICAÇÃO


Culturas

DoenÇas
(Conc. aplicAÇÃo)

RecomendAÇÕes

MACIEIRA

PEREIRA

MARMELEIRO

Pedrado

(Venturia spp.)

Moniliose

(Monilia spp.)

(150 a 180 g/hL)

Realizar os tratamentos de acordo como Serviço Nacional de Avisos Agrícolas. Na falta destes iniciar as aplicações ao aparecimento da ponta verde e repetir no estado de botão branco ou rosa. Os tratamentos durante a floração, só serão efetuados em cultivares em que esta se prolongue por largo período de tempo, ou perante condições climáticas favoráveis a evolução da doença. Repetir a queda das pétalas, e ao vingamento do fruto se as condições climáticas favorecerem o desenvolvimento da doença. Persistência biológica 7-12dias.

PESSEGUEIRO

NECTARINA

AMEIXEIRA

CEREJEIRA

Lepra

(Taphrina

deformans,

Taphrina pruni)

(250 g/hL)

Em condições favoráveis à doença manter a cultura protegida desde o entumescimento dos gomos até ao vingamento dos frutos. Realizar nomáximo2 tratamentos com este produto no combate a esta doença.

Persistência biológica 7-12dias.

PESSEGUEIRO

NECTARINA

DAMASQUEIRO

AMEIXEIRA

CEREJEIRA

Crivado

(Stigmina

carpophila)

Moniliose

(Monilia spp.)

(150 a 180 g/hL)

Em condições favoráveis à doença, proteger a cultura ao entumescimento dos gomos, início da floração, queda das pétalas, vingamento do fruto e sempre que necessário. Realizar no máximo 2 tratamentos com este produto no combate ao crivado e moniliose. No combate à moniliose, e para proteção dos frutos recomenda-se, caso seja necessário, um último tratamento à mudança de cor dos frutos, respeitando o I.S. de 21 dias. Persistência biológica7-12dias.

TOMATEIRO

(AR LIVRE)

Mildio

(Phytophthora

infestans)

Alternariose

(Alternaria solani)

(150 a 190 g/hL)

Realizar aplicações no viveiro e após a transplantação sempre que o tempo decorra húmido ou chuvoso. Utilizar a concentração mais elevada e o intervalo mais curto em condições de maior pressão da doença e no período de maior crescimento ativo da cultura.

Persistência biológica 7-12dias.




INTERVALO DE SEGURANÇA: 


. 14 dias em tomateiro de ar livre.
. 21 dias em ameixeira, cerejeira, damasqueiro, nectarina e pessegueiro.
. 28 dias em macieira, marmeleiro e pereira

PRODUÇÃO INTEGRADA:


Permitido.

CAPACIDADE DAS EMBALAGENS:


200 g, 20 kg.


OUTRAS INFORMAÇÕES:
Ficha Técnica (download ficheiro PDF)
Ficha de Segurança (download ficheiro PDF)
 
topo    
Avisos Legais Copyright © 2013 SIPCAM Portugal | Desenvolvido por Helcadesign